Uma Agenda para os Novos Governos

Para quem está envolvido com um processo de Agenda 21 Local, 2013 é um ano importante já que é ano de renovação na Prefeitura e na Câmara Municipal. Se as relações estavam indo bem, será necessário mantê-las assim com os novos interlocutores e, se estavam mal, é a chance de reverter a situação.

Nos processos com os quais estou envolvida foi desenvolvida uma estratégia junto com os coordenadores e alguns membros dos 14 Fóruns, que já começou no período eleitoral. Um Grupo de Trabalho elaborou uma carta com alguns compromissos básicos e entrou em contato com todos os candidatos pedindo suas assinaturas. Nem todos assinaram, mas todos ficaram cientes da existência do processo, o que já é um avanço.

Para iniciar esta relação – ou revitalizar, no caso de prefeitos reeleitos – foi decidido que a primeira ação será pedir uma reunião com o/a Prefeito/a na qual se buscará mostrar as vantagens do trabalho participativo e do uso de um espaço de diálogo com a sociedade na construção e implementação de políticas públicas.

Na prática, será solicitado o cumprimento dos compromissos assumidos, que incluem um sala equipada e um funcionário para auxiliar o trabalho do Fórum e, principalmente, a indicação como representantes do governo no Fórum de pessoas com poder de decisão, facilidade para a negociação e que delas seja cobrada a participação efetiva nas discussões.

Além disso, serão encaminhadas duas sugestões:

1- Criação de um Grupo Intersecretarial, para o debate da implementação da Agenda 21 no município, que deverá começar pelo estudo da Agenda publicada para:

- Indicar quais ações já foram cumpridas
- Quais estão contempladas no Plano de Governo e como o Fórum pode colaborar com sua implementação
- Como serão tratadas no PPA

2 – Realização de um pequeno seminário com todos os secretários e funcionários municipais, vereadores e assessores para uma apresentação sobre o que é Agenda 21, principais pontos da Agenda 21 do município e como o trabalho em parceria pode colaborar para a gestão municipal.

Caso sejam acatadas irei relatando aqui seus desdobramentos.

Sobre a autora

foto de Patricia Kranz

Patricia Kranz é consultora em gestão de projetos participativos voltados para o desenvolvimento sustentável. Com foco em estratégias de comunicação e mobilização, cria e desenvolve metodologias, dinâmicas e conteúdo de apoio a ações nas áreas ambiental e social.


3 ideias sobre “Uma Agenda para os Novos Governos

  1. As informações que leio muito tem ajudado para implementar nosso trabalho na comunidade local, na cidade onde moro,não exite AGENDA 21, mas os moradores de uma comunidade carente esta realizando deste setembro do ano passado reuniões AGENDA 21 LOCAL -BAIRRO LEGAL, assim denominamos e qual já repercute junto as autoridades políticas da cidade, este mês de Fevereiro iremos realizar nosso 1º FÓRUM no bairro contando com as novas autoridades.

  2. Ola Patricia , fui nomeada a coordenadora da agenda 21 em minha cidade , e gostaria de saber como que funciona a agenda 21.E qual e a base de tudo ?
    por favor me mande dicas da agenda 21 local para que eu possa desenvolver meu papel corretamente ,estou lendo seu livros 4ª edição e gostaria de ter mas dicas sobre como devo proceder e quais as atitude devo tomar .
    Grata.
    Sonia

  3. Oi SÔnia, espero que o livro tenha esclarecido para você o que é Agenda 21 e que as informações do site também tenham ajudado.
    Qual é a sua cidade?

    Se tiver alguma dúvida, entre em contato.
    Boa sorte!
    abs,
    Patricia

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>